Como começar a programar com PHP & MySQL

Este é o primeiro de uma série de artigos que farei para abordar, explicar e ensinar os que querem aprender a programar em PHP. Em geral, iremos direto ao ponto. Veremos as coisas funcionando na prática. Os únicos pré-requisitos são você já saber lógica de programação, HTML, ter um computador e, para testar seu sistema web em PHP, um servidor remoto ou local compatível com o PHP.

O que é e porque utilizar o PHP

O PHP é uma linguagem de programação voltada para a web. Diferentemente de outras linguagens, o PHP não é executado no computador da pessoa, mas sim no servidor onde o arquivo PHP é executado. O PHP é ideal para páginas web dinâmicas. Entende-se por dinâmicas as páginas onde é possível que o cliente faça atualizações no próprio site por meio de um portal (desenvolvido em PHP) sem que o cliente necessite saber sobre programação ou mesmo HTML. A linguagem PHP é fácil, bem organizada, estruturada e rápida. Também é uma linguagem segura, utilizada por dezenas de milhares de websites. Todo arquivo PHP termina com a extensão .php. Por exemplo, digamos que eu crie um sistema de cadastros de cliente, o nome do arquivo será: cadastroCliente.php.

O que preciso ter para começar a programar em PHP

Força de vontade. Tu  precisas também ter, a fim de executar e testar os sistemas que criares um servidor local ou remoto. Para instalar um servidor compatível com o PHP, baixe o seguinte pacote:

  • MAMP (para usuários Mac);
  • WAMP (para usuários Windows).

O WAMP/MAMP irá instalar em sua máquina um servidor local, o qual, por meio do Apache, permitirá que você execute seus sistemas. Instalará junto o sistema gerenciador de banco de dados (SGBD) PHPMyAdmin, utilizando o MySQL. É através deste banco de dados que tu conseguirás criar um painel administrativo para seu cliente, por exemplo, poder cadastrar uma notícia em seu site.

Após efetuada a instalação, com o fim de codificar seus sistemas, indico você a utilizar o Dreamweaver, da Adobe. Existem pacotes de subscrição mensal da ADOBE a partir de US$ 39,00 para o Dreamweaver CS6. Estou utilizando este ao criar os tutoriais para vós. Caso não tenhas condições, lhe indico utilizar o bloco de notas do Windows ou NotePad++ ou outro de sua preferência.

Coloque a mão na massa

Abra o Dreamweaver ou o programa que prefiras utilizar. Crie um novo documento do tipo PHP e salve-o com o nome de olaMundo.php. Por questão de padronização, utilizarei, ao dar nomes a variáveis, objetos, classes, funções, arquivos, o que chamamos de lowerCamelCase. Ou seja, digamos que temos um arquivo para listar notícias. Darei o nome de listarNoticias.php. ATENÇÃO: não utiliza acentos ou caracteres especiais ao nomear arquivos.

Se algo estiver aparecendo no arquivo, apague. Digite o seguinte código

<?php

echo “Olá mundo”; //Exibirá na tela o texto, Olá Mundo

?>

Salve o arquivo e execute em seu servidor. Em geral, este arquivo deve ser salvo na pasta do seu servidor, no diretório httpdocs ou www. Na barra de endereços de seu navegador, digite: localhost/olaMundo.php. Deverá aparecer na tela somente o texto “Olá Mundo”.

Sempre que formos iniciar um código em PHP, devemos iniciar por “<?php” ou ainda por  “<?“. Porém, no caso deste último, alguns servidores não estão configurados para reconhecer. Fechamos um código PHP com “?>“. Para podermos exibir um texto ou o conteúdo de uma variável na tela, usamos o comando “echo“. Todo o comando em PHP dever ser terminado com o “;” (ponto e vírgula). Caso contrário, o servidor não saberá onde o programa para, gerando um erro. Para exibirmos um texto na tela, além de usar o comando echo, necessitamos colocá-lo dentro de “” (aspas), referenciando que echo exibirá uma string. Se quisermos comentar um código PHP (LEMBRE-SE, sempre comente seu código), basta colocar duas barras, uma ao lado da outra (//Comentário). Para um comentário de mais de uma linha, coloque /* e finalize com *\.

Por hoje é só.

 

2 comentários

Seus comentários são muito apreciados.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.